Menu

 
 

Curitibanos - SC

Rádio Maria Rosa FM
                                                                                                      104,9 MHZ

HISTÓRIA DA MARIA ROSA FM


A Rádio Comunitária Maria Rosa, nasceu de uma idéia, de revolucionar a comunicação em Curitibanos, no que tange à notícias, músicas, debates, participação do ouvinte ao vivo, campanhas educativas etc. E para isso um grupo de sonhadores há quase dez anos atrás adquiriram uma aparelhagem e colocaram no ar a Maria Rosa em caráter irregular, assim permanecendo por três meses. Aí o grupo houve por bem tira-la do ar e aguardar que se aprovasse à lei das rádios comunitárias no pais. Há um ano e meio atrás sob a presidência do Dr. Aldo Dolberth entrou no ar em definitivo, no horário da 06:00 às 24:00h. 

 

Durante esse tempo que aguardamos a licença de funcionamento foram muitas as dificuldades, principalmente no que se referia a papelada, viagens, telefonemas, pedidos a parlamentares e direção da Anatel e Ministério das Comunicações.

 

Hoje a Maria Rosa desenvolve varias atividades no campo educacional, político e religioso e sua maior bandeira é a da politização do povo através de campanhas elucidatórias, desenvolvidas em vários programas diários e semanais.

 

Os recursos para o seu funcionamento são obtidos através de apoios culturais advindos do nosso comércio local.

 

O hino da Rádio Comunitária Maria Rosa FM é de autoria de Vicente Teles e intitula-se Maria Rosa. Uma homenagem desse grande compositor à virgem guerreira heroína do contestado e cedida pelo autor para ser a nossa característica de abertura e fechamento da Rádio.

 

O relacionamento entre os funcionários voluntários é o melhor do mundo, pois na Maria Rosa vivemos um clima familiar, incluindo também os sócios fundadores e contribuintes.

 

Á Rádio Comunitária Maria Rosa nasceu de uma idéia coletiva de pessoas que sonhavam com uma rádio descompromissada com o sistema alienante e consumista e que atendesse os anseios da comunidade no que tange:  educação, cultura, oportunizar o aprendizado de radialista as pessoas interessadas e especialmente estar serviço da comunidade e não de uma casta dominante. Foi criada a Associação Rádio Comunitária Maria Rosa que teve como primeiro presidente o Dr. Reinaldo Assis Pellizzaro que passou a presidência para o Dr. Aldo Dolberth que deu continuidade ao empenho do primeiro presidente em coloca-la no ar. Foi uma verdadeira saga empreendida pelo Dr. Aldo, entre telefonemas, viagens, montagem do processo, aquisição de equipamentos, montagem da emissora e a sua programação.

 

Até que chegou o tão esperado dia de coloca-la no ar. Era o dia 02 de abril de 2003, isto é em definitivo, pois estava no ar em caráter experimental há mais de um mês. Já com a licença outorgada pelo Ministro de Comunicações Sr. Miro Teixeira, com o Prefixo ZYM 546, Canal 285, 104,9 MHz e 25 watz de potência.

 

A Rádio Comunitária Maria Rosa-FM tem no seu quadro de associados 24 sócios fundadores e 44 sócios contribuintes e o conselho comunitário que rege a programação da emissora, composto por 16 associações e seguimentos da sociedade.

 

Quanto à aparelhagem podemos dizer que não perde para qualquer emissora comercial do estado. Pois conta com uma moderníssima aparelhagem digitalizada e computadorizada. Uma discoteca, montada a partir de discos gentilmente doados pelos ouvintes e admiradores, além de um grande número de cds e músicas Mp3.

 

Seu quadro de funcionários voluntários hoje é de quatro pessoas que diariamente estão no ar, também as pessoas que tem programas semanais e os aprendizes.

 

A programação procura atender um público acima de trinta anos com músicas, notícias e entretenimento. Os programas de maior destaque são: O Papo de Botequim, programa este, que contadores de causos, além dos causos humorísticos e pitorescos também relatam a história de Curitibanos, comentam assuntos políticos, folclóricos e religiosos e onde gaiteiros, trovadores, declamadores, duplas caipiras e conjuntos gauchescos marcam presenças todos os sábados e o Brincando de Radialista é outro programa de destaque por oportunizar aqueles que sonhavam em dia falar no rádio concretizarem seus sonhos.

 

Portanto A Rádio Comunitária Maria Rosa-Fm está no ar graças a um sonho de várias pessoas comprometidas com a verdade e o engrandecimento da comunidade curitibanense.